Primeira etapa da campanha de declaração de rebanhos 2024

Primeira etapa da campanha de declaração de rebanhos 2024 tem início em Rondônia

A declaração de rebanhos está mais fácil este ano: é só acessar o site da Idaron

Nesta quarta-feira, 1º de maio, começa a primeira etapa da campanha de declaração de rebanhos, promovida pela Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril de Rondônia (Idaron).

Todos os criadores de bovinos, bubalinos, ovinos, caprinos e suínos precisam fazer a declaração até o dia 31 de maio. Além disso, equídeos e aves também podem ser incluídos na declaração.

O processo é simples: o produtor rural deve entrar no sistema da Idaron para criar sua senha, seja no computador ou no celular, e fazer a declaração no site em qualquer horário, até nos finais de semana e feriados.

Para realizar a declaração online, basta acessar o site da Agência www.idaron.ro.gov.br. “É uma ação rápida e fácil, que não consome muito tempo. O objetivo é manter o banco de dados sempre atualizado sobre a pecuária de Rondônia.”

Segundo Julio Cesar Rocha Peres, presidente da Agência, essa é uma responsabilidade tanto do Estado quanto dos pecuaristas, que faz parte da política compartilhada para manter a região como área livre de Febre Aftosa sem vacinação.

Vale ressaltar que, além das informações sobre os rebanhos, também são solicitados dados de produção de peixes, abelhas e algumas frutas. As perguntas são simples, facilitando a atualização dessas informações.

 

Sobre a declaração do Rebanho

O presidente da Idaron destaca outra questão importante: “A partir do início da declaração, a emissão da Guia de Trânsito Animal (GTA) será vinculada à declaração de rebanhos. Ou seja, o produtor só poderá emitir a GTA depois de regularizar a declaração junto à Idaron”.

O governador de Rondônia, Marcos Rocha, orgulha-se do reconhecimento internacional da região como área livre de Febre Aftosa sem vacinação, pela Organização Mundial da Saúde Animal (OMSA).

“Agora que conquistamos esse reconhecimento, precisamos manter as ações e fortalecer um setor crucial para a economia do Estado. Devemos seguir todas as recomendações da OMSA, e uma delas é a declaração de rebanhos à Idaron,” enfatiza Rocha.

Além de cumprir com sua parte na declaração do rebanho, o produtor também contribui indiretamente para fortalecer a economia. Com a declaração, a qualidade da produção é assegurada ao consumidor, o que impacta diretamente nas exportações.

Texto: Toni Francis

Fotos: Daine Mendonça
Secom – Governo de Rondônia

Fonte: Em Rondônia

Link da fonte

Útimas postagens

RECEBA NOSSO CONTEÚDO PELO TELEGRAM

Fique Bem Informado!

RO Acontece Telegram